sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Um esclarecimento

No dia que eu fiz esse blog eu não sei em que eu pensava, mas garanto que não era na palavra PROPAGANDA.
Hoje li (via msn, coisa triste) que eu o teria para me exibir.
Foi bem ruim sabem?! Um pouco por ter vindo de uma pessoa muito querida para mim e outro porque essa pessoa escreve muito bem, tem até um blog, pena que não é público, mas acredito que um dia será e quando assim for estará na minha lista de favoritos.
Com raiva do que lia acabei escrevendo demais, me excedi, fui grossa, mas agora, um tempinho passado, percebi que teve seu lado bom, foi uma boa crítica vinda de um bom escritor que não deve gostar das minhas bobagens, nem deve entender o que elas querem dizer, já me desculpei.
Percebi que formei a imagem de uma pessoa “exibidinha” e logo para quem eu tentei agradar tanto, fiz até uma série de historinhas aqui no blog.
Agora fiquei bem perdida, não sei mais o que escrever, eram só as bobagens da minha cabeça por umas vezes, sentimentos do fundinho do coração por outras, confesso que fiquei pensando em encerrar a conta.


Dica: Quem não gosta do que tem escrito aqui não precisa ler.

10 comentários:

.Má. disse...

Eu sou da idéia de continuar com as bobagens... =D

Afinal, o blog é um espaço para livre expressão... em algum lugar devemos colocar nossas bobeiras...

Não entendo, antes havia uma grande curiosidade nas pessoas em ler os diários das meninas, agora que eles se tornaram públicos, vêm as críticas negativas? Em vez de curtir o momento?

Olha, pode continuar do seu jeitinho que acho que tanto eu, quanto a Kel, quanto o Horácio, continuaremos lendo!!! =)

Beijos, guria!

Anônimo disse...

A série de historinhas era ótima. Continua com ele sim...

Natali Rêgo disse...

PROTESTO!
Aonde já se viu, lendo o teu blog eu já ri, já chorei, já senti saudades, já pensei na vida, acho que quem te criticou na verdade tem um pontinho de inveja dessa pessoa que com certas palavras consegue nos cativar e nos deixar tão bem, talves uma inveja de nao saber se expresar tão bem ao ponto de colocar d coração e alma tudo o que sente e pensa! Sei xuxu, que as vezes criticas são boas, mas essa vc deve desconsiderar a medida que aqui não tem nenhuma propaganda e nem bobagem e sim uma expressão de corpo e alma de uma pessoa linda e pura que eu admiro mto! Beijao e ti amo XUXU!

.Kel. disse...

Quem não quiser que não leia!!! E sabe aquele ditad: falem mal mas falem de mim?!?! É isso ai!!!! Acha que é exibicionismo, que tu tá te achando?!?! Se for melhor que te supere!!!

Bom Amigo disse...

Pois é...

Eu sou ruim para lembrar a autoria das frases, mas tem uma que diz algo mais ou menos como: "paus e pedras podem quebrar meus ossos, mas palavras jamais irão me ferir". Em minha opinião, esse ditado não poderia estar mais errado, as palavras machucam, ainda mais quando vêm de onde a gente menos espera, das pessoas que mais gostamos e admiramos, mas, o contrário também é verdade, essas mesmas palavras também podem fazer as pessoas muito felizes, assim como as palavras que cuidadosamente (ou nem tanto) tu deposita nesse teu diário alegram o meu espírito, e não só o meu, isso eu te garanto.

Obviamente, nenhuma pessoa é uma ilha, não teria sentido fazer um blog para ninguém ler, ou para que ninguém gostasse do que estivesse ali escrito, mas isso é muito, muito, mas muito distante de uma tentativa de se “exibir”, eu vejo mais como uma forma corajosa e franca de se mostrar e, ao mesmo tempo, de exorcizar alguns demônios, como que uma espécie de catarse coletiva (talvez isso te poupe uma grana com analistas...).

Agora, se um bocado de pessoas curtem o que tu escreve aqui, nada mais justo que tu continues fazendo, sei lá, acho que seria o mesmo que dizer pro Ronaldinho Gaúcho: cara, tu joga demais, isso já é exibicionismo, melhor tu começar a jogar vôlei...

Talvez isso se explique, esse tamanduá é fã de Los Hermanos, eu também, eles fizeram de tudo pra desagradar a crítica, para não serem POP, o que acabou fazendo com que o som deles fosse curtido só por quem realmente gostassem deles, pois eles faziam um som “honesto”, para eles gostarem, se os outros gostassem, legal, se não gostassem, Foda-se (pode dizer foda-se aqui?). A questão é essa, o que tu escreve é honesto, é sincero e é teu, se os outros gostam, legal, se não gostam........ e que ninguém venha te dizer que tu faz isso pra te “exibir”, não num tom pejorativo, num sentido de querer parecer superior aos outros, sim, tu faz isso te expondo, mostrando francamente como tu és, goste quem gostar. Eu, particularmente, te adoro!

Talvez os tamanduás sejam meio estabanados, tenho quase certeza que foi isso.

Magda disse...

Fazendo a linha Dom Pedro, Magda diz:
-Digam ao povo que fico!

(Só uma frase, isso não inclui vocês me imaginarem de costeleta, bigodinho medonho, cabelo fofo divido no meio, calça branca justinha e ombreiras com franjas douradas. Príncipe paga cada mico!)

Mari disse...

Magda, desculpa invadir o teu cantinho, mas como tu anda aparecendo lah pelo oceanologas, vim aqui te visitar. li todos os posts e nao achei nada exibidos, mas muito legais. Continua escrevendo! Beijos!

Natali Rêgo disse...

ue, mas eu achei q tinha deixado um depo por aqui, um mas nao encontrei heuheueh beijao

fernanda rosa disse...

o q aaacontenceuuuuuu?????

to mais por fora q rego de pedreiro!!!

e fiquei curiosa em sabe5 quem foi? hahaha
imaginei quem poderia hahahhaahha naum liga..........

beijaooo te amooooo

fernanda rosa

Horácio disse...

Os cães ladram, mas a caravana passa...
Horácio, o filósofo paraquedista